Quarta-feira, 20 de Junho de 2007

A nobre arte de ser flexível

Eu até costumava simpatizar com a ideia da flexibilidade mas, a verdade, é que nos últimos tempos tenho-a visto ser aplicada em dois contextos que não me agradam muito:

1 - Pelos técnicos do Centro de Emprego que, do alto da sua sabedoria, recomendam aos desempregados ou aspirantes ao primeiro emprego que recebam formação em temas que não têm absolutamente nada a ver com as suas áreas de formação e/ou competências. Eles argumentam que é importante ser polivalente. Acredito que sim. Mas a verdade é que depois de 5 anos a pagar propinas para fazer o curso, se eu quisesse ser polivalente ia lavar escadas e não precisava da ajuda deles para nada. Chamo a atenção para o facto de não ter nada contra quem lava escadas, pelo contrário, quando a senhora que lava a escada do meu prédio faz um mau trabalho (como é costume), gostava que houvesse um curso que a ensinasse a fazer isso melhor. Mas a verdade, por muito que me custe, é que se as áreas que me propõem no Centro de Emprego me interessassem, eram essas que eu tinha escolhido logo à partida. Talvez eu esteja a ser muito exigente, mas esta situação revolta-me um bocado.

2 - Quando, fartos do Centro de Emprego, aceitamos um emprego miserável e sem quaisquer condições e o patrão muda as regras a meio do jogo. E muda para pior (afinal parece que é mesmo possível)! Ainda mais giro é quando ele já teve inúmeras oportunidades para informar os reles funcionários e não os informa. É aqui que surge outra actividade, de extrema importância no contexto sócio-cultural-económico nacional que é a do diz-que-disse. Aparentemente, em meio laboral, esta é a forma privilegiada de divulgar informação...

De hoje em diante, acho que a palavra "flexibilidade" deveria ser abolida destes dois contextos, e substituída por "contorcionismo" ou "fractura da coluna vertebral". Fica a sugestão e o desabafo.

publicado por bonecatenebrosa às 00:04
link | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Eu, eu e mais eu

.Perdidos e achados

 

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
16
20
22
25
26
29
30

.Posts saídos do forno

. 6.ª Sobrenatural - "O euc...

. O fundo pode descer um po...

. Acto de terrorismo

. Duas questões para reflec...

. 6.ª Sobrenatural - "Levit...

. A solução para os problem...

. Dá-me o computador!

. Olha a novidade...

. Já não me metia com eles ...

. 6.ª Sobrenatural - "Quand...

.Posts já maduros

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds

.Para onde vos mando