Domingo, 30 de Setembro de 2007

O papel das fraldas na vida sexual

Para isto quase nem consigo ter comentários. Talvez a senhora em questão esteja a confundir excitação com incontinência. Ora, sejamos realistas, por muito satisfeita que esteja com a sua vida sexual, admita que se tiver oportunidade de saltar para cima do "homem bonito" que "se aproxima e mete conversa", salta mesmo.

Como não vale a pena estragar uma boa oportunidade apenas porque tem dificuldades em controlar a bexiga, recomendo Tena Lady ou, em alternativa, Lindor, para resolver o problema.

publicado por bonecatenebrosa às 13:31
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 29 de Setembro de 2007

Agora não ouço ninguém a queixar-se

Agora não ouço o Sr. Luís Filipe Menezes a falar da manipulação dos resultados das eleições do partido, nem a ironizar com a existência de militantes do PSD na Amazónia. Será porque os resultados lhe foram favoráveis?

É sempre bom mandar postas de pescada. O mal do Sr. Marques Mendes é que manda postas proporcionais ao seu tamanho, ou seja, douradinhos do Capitão Iglo...

publicado por bonecatenebrosa às 16:49
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 28 de Setembro de 2007

6.ª Sobrenatural - "Precognição e presságio"

"A tragédia do Titanic, o transatlântico que se afundou em 14 de Abril de 1912 depois de chocar com um iceberg em pleno Atlântico, causando a perda de mais de 1500 vidas, é bem conhecida de todos.

Encontrámos uma história espantosamente semelhante no romance Futility, escrito 14 anos antes por Morgan Robertson, a respeito de um navio de grande prestígio que dava pelo nome de Titan e que, tal como o Titanic, era considerado como impossível de afundar. Foi igualmente vítima de um iceberg, os dois navios tinham dimensões notavelmente semelhantes, exactamente a mesma capacidade em passageiros... e nenhum deles possuía um número suficiente de salva-vidas.

O modo extraordinário como a arte imita a vida nos romances é bem conhecido dos estudiosos do paranormal e este caso foi apenas uma das muitas profecias, precognições e presságios ligadas ao Titanic. Uma mulher que observava a fatídica largada do Titanic a partir da sua casa na Ilha de Wight foi repentinamente invadida pelo pânico. «Vai afundar-se! Aquele navio vai afundar-se!» guinchou, para o espantado marido. «Faz qualquer coisa. És tão cego que vais deixar que se afoguem? Salva-os! Salva-os!» Passaram-se quatro dias antes da cena que vira com os olhos da mente se tornar numa realidade no Atlântico Norte.

Ao mesmo tempo, o psíquico V. N. Turvey predizia, a um amigo, que o navio iria ao fundo e que a catástrofe era iminente. O passageiro Colin MacDonald cancelou o seu bilhete para a viagem inaugural do Titanic por estar convencido de que iria haver um desastre. O banqueiro J. Peripont Morgan foi um dos vários que desistiram da viagem por se sentirem supersticiosos no que se referia à viagem inaugural de um navio. Antes de cancelar a sua passagem, o homem de negócios J. Connon Middleton sonhou duas vezes com um navio a afundar-se com todos os seus passageiros e tripulação.

O jornalista W. T. Stead estava bordo do Titanic. Tinham-se passado vinte anos desde que escrevera uma história a respeito de um transatlântico abalroado e afundado por um iceberg. essa história fazia parte da sua contínua campanha destinada a levar os construtores a incluírem um número suficiente de salva-vidas nos seus transatlânticos cada vez maiores. Insistiu nesse tema numa palestra que deu em 1910, ilustrando apaixonadamente o seu ponto de vista ao descrever-se a si mesmo como vítima de um naufrágio em águas geladas, gritando por socorro antes de deslizar para o fundo. Sem o saber, Stead descrevera graficamente o seu próprio destino."

 

História do Sobrenatural

Karen Farrington

publicado por bonecatenebrosa às 11:37
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 27 de Setembro de 2007

Ganhei uma taça

00008a80

Hoje recebi uma taça, dada pelo http://sergioalex.blogs.sapo.pt/. Devo dizer que fiquei muito feliz, principalmente porque esta semana não correu particularmente bem e eu andava um bocado com a telha. Confirma-se que, às vezes, há pequenas coisas que nos fazem sentir bem, principalmente quando premeiam um trabalho que se faz com gosto.

Vou atribuir a taça a mais 5 blogs da minha lista de amigos (não quer dizer que não haja outros blogs de qualidade, mas estes eu conheço melhor), que são:

http://ajz.blogs.sapo.pt/

http://riscosirabiscosdasofia.blogs.sapo.pt/

http://the_book.blogs.sapo.pt/

http://opedepupita.blogs.sapo.pt/

http://sempenas.blogs.sapo.pt/

tags:
publicado por bonecatenebrosa às 21:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 26 de Setembro de 2007

... E a caridade que se lixe!

No final de tudo, a igreja que, supostamente, deveria seguir o exemplo de Jesus Cristo, abdicando de bens materiais e fazendo caridade, está é a chular o peregrino. Mas se o peregrino gosta, tudo bem.

Acho que a ideia acaba por ser um "faz o que eu digo, não faças o que eu faço", traduzido por "deixa lá de ser avarento (que a avareza é um pecado mortal), passa para cá o dinheiro, faz a tua parte da caridade, que eu construo uma igreja".

Com sorte, até podem dizer ao peregrino que vai a Fátima pedir o milagre de arranjar emprego que, com uma pequena contribuição, ele habilita-se a estar entre os 20 funcionários que vão assegurar a manutenção e vigilância da nova igreja. Mas como só 20 serão escolhidos, é melhor darem uma contribuição caridosa...

publicado por bonecatenebrosa às 16:24
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

... Escreve certo por estradas tortas...

Ao que parece, outros 10 milhões (mais coisa menos coisa que, no fundo, quem é que se interessa por estas ninharias) vão servir para a construção de um túnel rodoviário.

Está mal! O bom peregrino não vai para Fátima de carro! Porquê? Porque gasta até ao último centavo a patrocinar as obras da igreja. Logo, não tem dinheiro para a gasolina e tem de se deslocar a pé ou de joelhos, faça sol ou chuva, para demonstrar a sua fé.

Quer-me parecer que foi o mafarrico que inspirou esta ideia para desencaminhar os (cada vez mais) pobres fiéis.

publicado por bonecatenebrosa às 16:23
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Deus faz o milagre da multiplicação dos custos...

Este é o primeiro post de uma trilogia.

Parece que os custos de uma nova igreja em Fátima já ascendem ao dobro do inicialmente previsto, custando cerca de 80 milhões de euros, ao invés dos 40 milhões definidos inicialmente.

Em parte, isto acontece porque, foram precisos mais 10 milhões de euros para as fundações da igreja, que obrigaram à colocação de estacas a 32 metros de profundidade, em zonas de rocha. No fundo, acho que Deus queria espetar uma estaca no diabo, mas acabou por espetá-la foi nos bolsos dos peregrinos, já que parece que foram esses tansos que financiaram integralmente a obra.

Como quem corre por gosto não cansa, quem faz o caminho para Fátima de joelhos e, no fim, ainda deixa que lhe deitem a mão ao bolso, também não deve cansar.

publicado por bonecatenebrosa às 16:22
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Segunda-feira, 24 de Setembro de 2007

Choque tecnológico

Olá! Sou um vírus informático português. Apesar do meu ar ameaçador, devido à falta de dinheiro e à tecnologia medíocre que há no meu país, não consigo fazer absolutamente nada ao teu computador.

Por isso, sê gentil e apaga um ficheiro importante do teu sistema. De seguida, encaminha-me para outros utilizadores, por favor. Agradeço a compreensão.

publicado por bonecatenebrosa às 15:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 23 de Setembro de 2007

É preciso não ter medo do ridículo

Andei a passear alegremente no youtube e descobri esta preciosidade da banda Adam & The Ants, chamada Prince Charming:

http://www.youtube.com/watch?v=1lCzIMacsEs

Adorei o pormenor do gatinho preto de peluche a ser transformado em pantera!

publicado por bonecatenebrosa às 13:57
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sábado, 22 de Setembro de 2007

Use o preservativo

Têm anunciado na televisão o filme português "Capacete Dourado". Não sei se o filme é bom ou mau, mas admito que gosto de ver o trailler para ouvir nem que seja só um bocadinho da música "Quero é Viver", cantada pelo Camané com os Humanos, e cujo link fica aqui:

http://www.youtube.com/watch?v=yG7334OWRkg

Agora, o slogan que apresentam no filme, "Viver no abismo exige protecção" parece saído de um anúncio a preservativos. Mostram os jovenzinhos a ser mais ou menos rebeldes e só falta dizerem qualquer coisa do género "não deixes que a sida te dê cabo da vida"... De qualquer modo, também deixo aqui o trailler:

http://www.youtube.com/watch?v=imvkXDMwxJ0

publicado por bonecatenebrosa às 14:14
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Sexta-feira, 21 de Setembro de 2007

6.ª Sobrenatural - "Poltergeists"

"Em 1990, uma família de Oklahoma que tentava escapar ao calor de uma noite de Junho saiu da sua abafada casa para o pátio, na esperança de que a brisa os refrescasse. No entanto, a noite foi perturbada quando a família se tornou no alvo de um fantasma lançador de pedras.

Partindo do princípio que se tratava de obra de brincalhões, Bill e Maxine McWethey, bem como a filha de 18 anos Twyla, e a filha mais nova, Desiree, voltaram para o interior furiosos com o ataque não provocado. Porém, a ira tornou-se em desespero e depois em medo quando as pedras continuaram a cair. A casa esteve sob cerco durante 24 horas, com as pedras a partirem os vidros das janelas.

A família vivia em Centrahoma e o xerife mais próximo ficava a cerca de 13 km, em Coalgate. Em vez de contactarem a polícia, os McWetheys aguentaram o tormento. Quando Bill espreitava as vizinhanças nunca conseguia ver sinais dos responsáveis pelas pedradas.

Os ataques prosseguiram esporadicamente durante os meses de Junho e Julho sem que o seu autor fosse identificado. Uma noite, cerca de 50 curiosos reuniram-se em volta da casa durante uma chuva de pedras. Uma testemunha espantada sugeriu que as marcassem com verniz de unhas e as atirassem de volta. Para surpresa de todos, as pedras foram devolvidas momentos depois. Outra pessoa lançou uma pedra marcada para um lago... e também essa foi atirada de volta.

Em Agosto, a polícia foi chamada pela primeira vez. Um guarda foi visitar a cena, mas ficou debaixo de fogo ainda antes de sair do carro patrulha. Enfrentou a barragem de pedras para procurar o responsável, mas não encontrou ninguém. Alarmado, saltou para o carro e afastou-se.

As munições mudaram, passando das pedras para as moedas e mais tarde para parafusos, pregos e outro bricabraque. Quando o Inverno chegou, a actividade continuou, mas agora no interior da casa. Dois jornalistas visitaram os McWetheys e testemunharam uma saraivada de pedras, que teve Twyla como principal alvo. Não precisaram de mais nada para se convencerem que havia ali um poltergeist em actividade.

Muito em breve, o poltergeist começou a emitir ruídos muito agudos e pareceu apresentar-se a si mesmo, no meio de uma confusão de sons metálicos, como sendo Michael Dale Sutherland. O seu comportamento imprevisível atormentou a família. Pintou os periquitos, servindo-se de corantes alimentares, arrancou lençóis das camas, escrevinhou símbolos nos espelhos com batom e disse à infeliz Twyla que era um alienígena deixado ficar para trás por uma missão vinda de Saturno. Porém, de acordo com a Sra McWethey, «Ele é um grande mentiroso».

Um poltergeist é um fantasma tumultuoso e malicioso que em geral está associado a pessoas e não a lugares. Pode ser muito desagradável. A designação poltergeist provém de duas palavras alemãs, «poltern», que significa «batida» e «geist», que significa «espírito»."

 

História do Sobrenatural

Karen Farrington

publicado por bonecatenebrosa às 13:03
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quinta-feira, 20 de Setembro de 2007

Para a próxima não o larguem

No dia 14 de Julho de 2004, uma criança de 2 anos e 9 meses e os seus pais foram a uma loja de electrodomésticos para "comprar uma máquina de lavar e enquanto estavam a conversar o menor foi para cima de uma cisterna num pátio atrás do estabelecimento, pode ler-se na Acusação. Uma vez aí, a criança pegou numa garrafa de plástico transparente de litro e meio e que tinha um papel branco desenhado à mão com uma caveira e dois ossos e bebeu parte do respectivo conteúdo que se apurou ser um produto altamente tóxico, hidrocarboneto aromático metilbenzeno (tolueno), cuja ingestão veio a ser causa directa e necessária da sua morte, refere o despacho. No pedido de abertura da instrução, os pais imputam aos arguidos a responsabilidade na morte do menor, porque não o impediram de ir para aquele local, sabendo que lá existia esse líquido tóxico". Esta é uma notícia divulgada hoje pela agência Lusa.

Pois eu limito-me a dizer que, seja qual for o resultado do processo, se eu fosse um dos donos da loja de electrodomésticos, a seguir processava os pais da criança por negligência já que, afinal de contas, eles é que são responsáveis pelo filho e deviam ter tomado conta dele enquanto estavam na loja. Para além disso, acusava-os de roubo, uma vez que o filho deles consumiu um produto que não lhes pertencia e que não foi pago. Quer dizer, uma pessoa tem um filho, é irresponsável ao ponto de o deixar andar a cirandar por aí e depois, quando as merdas acontecem, a culpa é sempre dos outros!

Os pais queixam-se que não foram avisados de que existia um líquido tóxico naquele local. Bom, os donos da loja também não foram avisados por ninguém de que aqueles pais eram irresponsáveis. O mal foram as falhas na comunicação...

publicado por bonecatenebrosa às 23:11
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Serás bem recebido em minha casa

Ainda estou em estado de choque com a saída do Mourinho do Chelsea, mas devo admitir que a saída dele aumentou a minha auto-estima. De facto, por muito bom que se seja, pode-se sempre ser dispensado do posto de trabalho.

Mourinho, como és um gajo porreiro, ficas já a saber que, mesmo desempregado, nunca ficarás sem tecto. És bem-vindo cá em casa. Mas deixas as arrogâncias à porta e contribuis monetariamente para o pagamento das despesas domésticas, que eu não tenho pais ricos e também não vou ao BES.

Além do mais, isto não é andar aqui por casa, em roupão, a dar ordens que tu não és meu treinador! Aliás, nada de perder os bons hábitos: para usufruíres do prazer da minha companhia, é bom que continues com esse ar desleixado fashion e que, pelo menos no Inverno, vistas a gabardina sexy de tempos a tempos.

Não custa sonhar...

publicado por bonecatenebrosa às 12:10
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 19 de Setembro de 2007

Mais tarde ou mais cedo eles iriam perceber

Segundo um relatório da OCDE, no ano de 2005 registou-se, pela primeira vez uma descida no número de imigrantes, principalmente devido a um decréscimo de 32 % no número de ucranianos a viverem em Portugal.

É claro que as Máfias de Leste podem ter sido fortemente responsáveis por isso porque, para efeitos estatísticos, aqueles que eles matam deixam de ser contabilizados entre a população imigrante.

Mas eu tenho outra opinião. A meu ver os ucranianos são um povo esperto e devem ter percebido que, de facto, estavam mal na Ucrânia, mas que cá não ficaram muito melhor. Ao contrário dos imigrantes provenientes de África ou do Brasil que têm a vantagem linguística, os ucranianos nem isso tinham. Moral da história, concluíram que aquele anúncio do Millennium BCP que diz "Seja feliz em Portugal", enquanto mostra representantes de outras culturas era, apenas e tão somente, publicidade enganosa. Fizeram as malas e deram de frosques.

Acho que isto é uma aproximação ao mais baixo que um país pode descer. Quando já nem os imigrantes ilegais e os refugiados quiserem vir para cá, é sinal que batemos no fundo. E, nessa altura, gostava de ver os senhores do PNR a trabalharem nas obras!

publicado por bonecatenebrosa às 11:52
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Setembro de 2007

É preciso aproveitar as oportunidades

Ontem, o secretário de Estado do turismo, o Sr. Bernardo Trindade, disse que Portugal passa "por um belíssimo momento", tendo as dormidas crescido 5,5 %. De facto, Portugal é um país óptimo para o turismo. Aliás, cá nem sequer desaparecem crianças!

A meu ver, o aumento de 5,5 % nas dormidas deve-se precisamente ao fenómeno Maddie. No fim de contas, o casal McCann e os gémeos vinham cá passar uns diazitos e acabaram por ficar mais de um mês. Sempre são 4 a dormir. Sem contar com assessores de imprensa, jornalistas e todos os curiosos que foram para o Algarve montar o circo...

O "belíssimo momento" do turismo é o lado positivo dos acontecimentos infelizes a entrar em acção!

publicado por bonecatenebrosa às 10:15
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 17 de Setembro de 2007

"They may take our lives but they will never take our freedom"

A propósito da libertação de mais de uma centena de presos preventivos, e da celeuma que se gerou à volta, veio o ministro da Justiça, Sr. Alberto Costa, dizer que «um certo alarmismo que alguns parecem estar irresponsavelmente a gerar não tem nenhuma razão de ser». Ele não se sente alarmado. Se eu tivesse guarda-costas e fosse para todo o lado de motorista, como ele provavelmente vai, também não ficaria alarmada.

Parto do princípio que nem ele, nem nenhum dos seus familiares, tenha alguma vez sido violado ou assassinado por alguém que está preventivamente a aguardar recurso da sua sentença e que, por agora, vai tranquilamente para casa. Ou talvez até nem vá tão tranquilamente se houver o risco de ser sujeito a um linchamento colectivo...

Como os restantes instrumentos jurídicos (medidas de afastamento, termo de identidade e residência, apresentações periódicas) costumam ser extremamente eficazes em Portugal, não há qualquer motivo para ficarmos alarmados. Mas, pelo sim, pelo não, vou ver se arranjo uma arma atordoante!

publicado por bonecatenebrosa às 19:52
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 16 de Setembro de 2007

Dalai Lama e os Kalashnikov

Bem sei que o Dalai Lama é um pacifista, mas é um pacifista que tem os seus "desentendimentos" com os chineses. Não deve ser assim tão diferente da Maria José Nogueira Pinto nem do Alberto João Jardim...

Quando vi que ele vinha cá, lembrei-me logo da banda Kalashnikov, com a sua música Tiananmen, que podem ver através deste link.

http://www.youtube.com/watch?v=MCqlctL24Ks

Apesar do apelo à violência, não sei até que ponto o Dalai Lama não simpatizaria com o refrão "Tiananmen, Tiananmen, kill another yellow man".

publicado por bonecatenebrosa às 12:54
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sábado, 15 de Setembro de 2007

Sick my duck

Bom, provavelmente os pobres patinhos doentes nem sequer tiveram tempo de dizer um reles "suck my dick" aos malandros que os foram abater. Assim sendo, resta-nos ficar com um "sick my duck" que é como quem diz "doente o meu pato".

Vi esta frase num pin e não pude deixar de me lembrar dela ontem quando vi que iam abater mais de 90 mil patos por terem o vírus H5N2. Coitadinhos dos patinhos...

tags: ,
publicado por bonecatenebrosa às 14:59
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 14 de Setembro de 2007

6.ª Sobrenatural - "Um perfume de violetas"

"Empenhado em subjugar os ferozes Zulus, o exército inglês invadiu a Zululândia em 1879. A campanha começou com o aniquilamento completo de uma coluna britânica em Isandhlwana - tragédia que nem mesmo a defesa heróica de Rorke's Drift conseguiu evitar.

Foram rapidamente enviadas tropas de reforço de Inglaterra, nas quais seguiu incorporado o príncipe imperial de França, o filho único do exilado Napoleão II e da antiga imperatriz Eugénia.

O jovem príncipe, estritamente proibido de correr riscos desnecessários, foi autorizado a incorporar-se numa coluna da vanguarda.

Ao cair numa emboscada armada pelos Zulus, o cavalo do príncipe encabritou-se e arremessou-o ao chão. Os Zulus aproximaram-se, com as lanças em riste, e mataram o príncipe e os dois oficiais que o acompanhavam.

No dia seguinte, os três foram sepultados juntos. Um ano depois, a rainha Vitória autorizou Eugénia a visitar a Zululândia e a recuperar o corpo do filho.

A erva e os arbustos que cobriam o monte de pedras que assinalava a sepultura dificultavam a sua localização. De repente, Eugénia exclamou: «Cheira-me a violetas - foram sempre a sua flor preferida.» E correu, sem qualquer hesitação, até um determinado ponto, descobrindo de facto a sepultura do filho."

 

O grande livro do maravilhoso e do fantástico

Selecções do Reader's Digest

publicado por bonecatenebrosa às 11:55
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 12 de Setembro de 2007

Acho que me safei

Apesar do post de ontem, ainda por cá estou. Acho que me safei!

tags: ,
publicado por bonecatenebrosa às 13:07
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 11 de Setembro de 2007

É aproveitar enquanto se pode

Diz assim uma notícia do sapo: "Comissário europeu quer bloquear pesquisas na net. O comissário europeu da justiça e segurança quer impedir que os motores de busca da internet possam procurar palavras como bomba, genocídio ou terrorismo. Manuel Lopes da Rocha, especialista em Direito da Internet, diz que esta é uma medida grave e limitadora."

Bom, nada como um bocadinho de censura para defender princípios democráticos... O comissário europeu deve ter pensado "Ah! Malditos sejam esses terroristas que nos querem, à lei da bomba, impor o seu modo de vida retrógrado e pouco civilizado! Difundem o terror entre o povo e mantêm-no na ignorância para mais facilmente afirmarem os seus ideais e recrutarem simpatizantes. Vamos limitar-lhes o acesso à internet para que eles não possam obter informação relevante sobre a sua própria actividade. Se, pelo caminho, tivermos nós próprios de limitar o acesso da população à informação para afirmarmos os nossos princípios e ideais desenvolvidos, so be it"! 

Um bocadinho hipócrita, não? Não sei porquê, mas tenho a impressão que antes da internet existir, já havia gente capaz de fazer bombas. Também tenho a impressão que já existia terrorismo e já se faziam genocídios antes de existir internet, ou mesmo computadores. Esta medida, resultado de uma inteligência duvidosa, a ser posta em prática vai dificultar a vida de muita gente que, não sendo terrorista, precisa de recolher informação na internet sobre alguns destes temas. Estou a pensar, por exemplo, em estudantes, jornalistas, tradutores, historiadores, sociólogos, etc. No fundo, acho que é uma medida que dificulta a vida a toda a gente, menos aos próprios terroristas.

Por via das dúvidas, e antes que a censura seja posta em prática, vou aproveitar para, por um dia, mudar o slogan "medo, terror, escuridão" para "bomba, terrorismo, genocídio". Se amanhã não postar nada neste blog, é porque de uma forma muito democrática, os americanos devem ter-me vindo buscar e a esta altura já devo estar em Guantanamo...

publicado por bonecatenebrosa às 16:08
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 10 de Setembro de 2007

Resposta ao desafio

Bom, hoje de manhã tinha um desafio colocado pelo sérgio alex do tecno blog (http://sergioalex.blogs.sapo.pt/28420.html) ao qual faço questão de responder. A ideia era pegar no primeiro livro que viesse à mão e copiar a 5.ª frase completa da página 161. O meu livro é O Plano Infinito, da Isabel Allende e a frase é "À tarde, ao regressar a minha casa, sentia um cansaço visceral, pelo caminho imaginava a possibilidade de fazer um desvio e perder-me no horizonte, como fazia meu pai quando percorríamos o país sem rumo nem meta".

As outras 5 pessoas a quem vou passar o desafio são:

http://borboletamagica16.blogs.sapo.pt/

http://riscosirabiscosdasofia.blogs.sapo.pt/

http://morta666.blogs.sapo.pt/

http://opedepupita.blogs.sapo.pt/

http://the_book.blogs.sapo.pt/

Aqueles que, não tendo sido desafiados, queiram participar, podem fazê-lo na área dos comentários. Ela está aí é para isso mesmo.

tags: ,
publicado por bonecatenebrosa às 16:45
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Si, me gusta cariño, dámelo fuerte...

Fui ao cinema no fim de semana. Não parece nada de especial mas, tendo em conta que adoro ir ao cinema e que, na última vez que fui, o filme que vi foi o Babel, já dá para ver há quanto tempo não ia ao cinema. Desta vez, fui ver Os Fantasmas de Goya. Andava mesmo ansiosa pela estreia que já tinha estado prevista para Maio e era constantemente adiada, mas valeu a pena esperar porque o filme é muito bom.

Agora, quando deram os anúncios a outros filmes, estava entre eles um filme chamado O Sabor da Melancia. O filme até pode ser muito bom mas, a ideia que dá, é que não passa de uma porno chachada. Só para terem uma ideia, imaginem dezenas (ou centenas) de bailarinas com chapéus de chuva a imitar melancias, a cantarem e a dançarem à volta de um contentor que tinha lá dentro um pénis gigante. Admito que não consegui conter o riso! Eu não costumo ir ao cinema ver comédias mas agora, quando precisar de dar umas boas gargalhadas, vou ver filmes porno! Aguarda-me Cinebolso, que eu vou a caminho...

tags: ,
publicado por bonecatenebrosa às 11:27
link do post | comentar | favorito
Domingo, 9 de Setembro de 2007

É bom quando tudo faz sentido

Até agora tenho evitado fazer grandes comentários ao desaparecimento da Madeleine. Não tenho paciência para posts lamechas que apelam à bondade das pessoas nem para os indignados com a maldade do mundo. Há coisas que sempre achei que não batiam certo mas isso também nunca foi grande novidade, por isso não havia muito a dizer.

Agora, o que eu acho piada é que as pessoas que de início criticavam os pais por serem negligentes, que os acusavam de ter comportamentos sexuais perversos e de terem drogado os filhos, pouco tempo depois começaram a mostrar-se extremamente solidárias, com pena dos pobres paizinhos e, agora, vão para a porta da PJ vaiar e insultar as mesmas pessoas que até há pouco tempo apoiavam. Isto não é propriamente notícia no nosso país. Já se sabe que boa parte das pessoas não tem opinião, limitando-se a baloiçar conforme manda a comunicação social e, pelo caminho, vão dando espectáculo. Na política também é assim, portanto como o exemplo não vem de cima, também não se pode esperar muito...

Outra coisa engraçada são os próprios pais da criança que, de início, diziam que não saíam de Portugal enquanto a filha não fosse encontrada, mas agora que são arguidos decidem que talvez seja melhor irem-se embora. Talvez seja porque, entretanto, a conta bancária que tinha sido aberta para ajudar e encontrar a Madeleine já esteja bem recheada. Com aquele dinheiro todo, eu também aproveitava para fazer uma viagem.

Por fim, a polícia constitui arguidos os pais da criança, aplica-lhes termo de identidade e residência, diz que em breve irá proceder a detenções e, dias depois, eles saem do país. Resta-me esperar que a polícia tenha mais informação do que eu e que depois explique tudo devagarinho, como se fossemos todos crianças de 4 anos porque, se é só isto, sem dúvida que há muita coisa que ninguém vai perceber. É melhor chamarmos o macaco Gervásio! Se ele conseguiu fazer a separação do lixo em menos de 2 horas, pode ser que também consiga encontrar a Madeleine, fazer as detenções e explicar o processo à população.

publicado por bonecatenebrosa às 13:16
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Sábado, 8 de Setembro de 2007

A música brasileira e a vida sexual

Bom, após o sucesso do post "os power rangers e a vida sexual", que fez disparar as visitas a este modesto blog, pensei que vocês, meus queridos e tarados (no bom sentido) amigos, poderiam também gostar desta pérola das revistas tipo Maria.

Primeiro, qual é o problema? O que não falta aí é música brasileira, alguma da qual de qualidade. Se eu fosse o sujeito dos power rangers mandava-te passear porque, comparado com ele, até és um tipo cheio de sorte.

Segundo, até hoje nunca fui a nenhum concerto da Ivete Sangalo mas acho que se algum dia for, vai ser fácil encontrar-te. Tu deves ser o tipo mais feliz do concerto...

Terceiro, o pior que te pode acontecer quando estiveres a meio de uma sessão de sexo louco e sem limites é começares a sambar, o que até pode ser interessante, por isso não te queixes que há coisas bem piores.

Quarto, o tipo dos power rangers era de Braga, este é do Porto. Andará a passar-se alguma coisa estranha com a vida sexual e musical dos homens do Norte? Qualquer dia falo sobre isto na 6.ª Sobrenatural.

publicado por bonecatenebrosa às 13:10
link do post | comentar | favorito

.Eu, eu e mais eu

.Perdidos e achados

 

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
16
20
22
25
26
29
30

.Posts saídos do forno

. 6.ª Sobrenatural - "O euc...

. O fundo pode descer um po...

. Acto de terrorismo

. Duas questões para reflec...

. 6.ª Sobrenatural - "Levit...

. A solução para os problem...

. Dá-me o computador!

. Olha a novidade...

. Já não me metia com eles ...

. 6.ª Sobrenatural - "Quand...

.Posts já maduros

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds

.Visitas

Counter
Free Counter

.Agora estão cá quantos?

online

.Eu vim de longe...

.Para onde vos mando