Terça-feira, 25 de Dezembro de 2007

Coisas sem importância

Segundo o Sapo, "o Cardeal Patriarca de Lisboa, José Policarpo, afirmou hoje, na homilia de Natal, que o afastamento de Deus, ou o seu esquecimento e negação, constituem «o maior drama da humanidade»".

Não querendo desviar a atenção para assuntos menores, parece-me que a pedofilia na igreja talvez seja mais preocupante. Mas, como tanta coisa na vida, isso é só uma questão de perspectiva. Para o Cardeal Patriarca de Lisboa, essas histórias podem ser o pão nosso de cada dia...

publicado por bonecatenebrosa às 14:04
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De katano a 25 de Dezembro de 2007 às 17:22
Lá estás tu a esquecer que se houver Céu e Inferno, podemos estar todos condenados a uma existência eterna num poço de fogo rodeados por diabinhos com forquilhas afiadas!!! O mundo precisa de homens de visão como o Cardeal... e como o josé cid e o stevie wonder.....
De bonecatenebrosa a 26 de Dezembro de 2007 às 15:04
Tenho sempre a hipótese de, na hora da morte, dizer que estou arrenpendida. A religião presta-se a essas coisas.
Caso contrário, se depois precisares de ajuda para chatear os diabinhos, conta comigo. Vemo-nos no poço de fogo.

Comentar post

.Eu, eu e mais eu

.Perdidos e achados

 

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
16
20
22
25
26
29
30

.Posts saídos do forno

. 6.ª Sobrenatural - "O euc...

. O fundo pode descer um po...

. Acto de terrorismo

. Duas questões para reflec...

. 6.ª Sobrenatural - "Levit...

. A solução para os problem...

. Dá-me o computador!

. Olha a novidade...

. Já não me metia com eles ...

. 6.ª Sobrenatural - "Quand...

.Posts já maduros

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds

.Visitas

Counter
Free Counter

.Agora estão cá quantos?

online

.Eu vim de longe...

.Para onde vos mando