Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007

O que é demais enjoa!

Já não posso ouvir falar na triste saga da Esmeralda/Ana Filipa, a pobre menininha que, não sendo órfã, também tem uma vida lixada. Chiça penico! Quando não é a Maddie é a Esmeralda...

Também já não posso ouvir a voz irritante do Eduardo Sá a falar de como a entrega da miúda ao pai biológico vai ser catastrófica e traumatizante. Traumatizante é perder um membro ou ficar tetraplégico num acidente do IP4. Catastrófico é ser espancado pelos pais dia sim dia não, abandonado na roda dos enjeitados ou ver a família toda e o cão, gato e periquito serem dizimados por uma ceifeira mecânica!

Não sei nem me interessa quem tem razão no meio desta trapalhada toda. Se é o pai biológico que não quis saber quando a mãe da miúda engravidou, se é a mãe biológica que em vez de fazer as coisas como deve ser limitou-se a escolher um casal para deixar a miúda e pronto, ou se é o casal que criou a miúda que não tratou da papelada e quando recebeu a ordem para a entregar ao pai, em vez de cumprir, desapareceu com a miúda sabendo, à partida, que mais tarde ou mais cedo, teriam de regressar. Cambada de irresponsáveis, todos eles!

Aqui fica uma solução à Rei Salomão sem a parte de cortar a miúda ao meio (isso seria, de facto, traumatizante): nem o casal nem o pai biológico ficam com a miúda, pinta-se-lhe o cabelo de louro e mandamo-la ao casal McCann dizendo que é a Maddie. Os ingleses param de nos chatear e a miúda é criada num país com muito mais oportunidades que este. É só uma ideia...

Para aqueles que lerem este post e pensarem "esta gaja é mesmo uma vaca insensível" (sim, vão existir, eu sei), fiquem-se com esta informação retirada do Sol: "As crianças com entre 6 e 10 meses de idade diferenciam o resto dos seres humanos entre atractivos e repulsivos, segundo os comportamentos individuais que estes tenham mostrado com os outros (...) os bebés preferem ter a seu lado alguém que ajuda os outros do que alguém que engana ou se mantém impassível perante a necessidade alheia". Tenho grandes dúvidas acerca desta informação mas, a ser verdade, devo ser uma óptima pessoa porque parece que há sempre algum miúdo irritante ao pé de mim.

publicado por bonecatenebrosa às 19:47
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Zé da Burra o Alentejano a 23 de Novembro de 2007 às 11:16
Ainda não há muito tempo foi julgada no norte do país uma mulher que raptou uma criança recém-nascida numa maternidade e tratou irrepreensivelmente dela durante cerca de um ano. Para aquela criança aquela mulher era a sua mãe e teve que mudar de família.
A raptora tratou muito bem a menina e tem uma situação económica muito mais confortável do que a verdadeira mãe que é pobre, tem vários filhos e até já tinha dado um irmão mais velho para adopção. Lá por isso ninguém ousaria defender que a criança deveria ficar com aquela mulher porque seria melhor prá criança.
Poderá argumentar que a menina a que me refiro tem apenas um ano enquanto que a Esmeralda tem cinco. Então se o rapto só tivesse sido descoberto passados cinco anos também seria conveniente que a menina permanecesse com a raptora POR RISCO DE TRAUMA E NO INTERESSE DA CRIANÇA?

Este país está louco!

De bonecatenebrosa a 23 de Novembro de 2007 às 11:57
Concordo em género, número e grau. Aliás, depois de ter publicado o post lembrei-me disso e agradeço que também te tenhas lembrado.
O superior interesse da criança não justifica que se quebrem leis. Caso contrário, uma pessoa com elevados recursos financeiros poderia andar aí pelos guetos a raptar criancinhas e ainda lhe deveríamos agradecer. No caso da Esmeralda, o casal que a criou estava a violar a lei e sabia disso, deveria ter antecipado que esta situação pudesse acontecer e evitá-la, no superior interesse da criança.

Comentar post

.Eu, eu e mais eu

.Perdidos e achados

 

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
16
20
22
25
26
29
30

.Posts saídos do forno

. 6.ª Sobrenatural - "O euc...

. O fundo pode descer um po...

. Acto de terrorismo

. Duas questões para reflec...

. 6.ª Sobrenatural - "Levit...

. A solução para os problem...

. Dá-me o computador!

. Olha a novidade...

. Já não me metia com eles ...

. 6.ª Sobrenatural - "Quand...

.Posts já maduros

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds

.Visitas

Counter
Free Counter

.Agora estão cá quantos?

online

.Eu vim de longe...

.Para onde vos mando